Foo Fighters: Back and Forth tem direção de James Moll, premiado com um Oscar pelo documentário The Last Days (1998). O filme mostra a história do Foo Fighters, desde as demos gravadas por Grohl enquanto ainda estava no Nirvana, até cenas dos bastidores do processo de gravação do novo álbum, Wasting Light.

Esse documentário conta a trajetória não só do foo fighters mas também de Dave Grohl, todos os desafios e obstáculos que ele enfrentou sem ao menos saber se era a decisão certa a se fazer.
O documentário começa falando do Nirvana, de como o sucesso surpreendeu todos os membros da banda e isso meio que assustou um pouco, quando eles deram um tempo da turnê Kurt foi para roma e acabou entrando em coma, uma semana depois ele acaba se suicidando fazendo com que Dave fique 8 meses sem nem querer saber de música.

Mas depois ele decidiu pegar todas as músicas que ele escreveu isso antes de entrar no Nirvana e monta uma banda, ele não queria desistir da música claro que não foi fácil a parte difícil nem foi montar a banda e sim aturar as criticas de pessoas que acharam errado o fato dele seguir em frente, em todas as entrevistas a única coisa que perguntavam era sobre o Nirvana e Kurt  se a música era para ele ou coisa do tipo.

Eu adorei o documentário foi bem sincero, mostrou quem entrou e saiu da banda e o motivo disso ter acontecido, as brigas, como eles gravaram cada disco e apesar de não ter sido uma super produção ainda sim ganharem um grammy, o fato deles ainda duvidarem que fazem tanto sucesso assim apesar de tantos anos de estrada, tão incrível que dá vontade de assistir de novo e de novo.

Eu adoro a banda escuto eles desde os meus 10 anos e fiquei feliz em saber um pouco mais e o que passa pelos bastidores, para quem é fã  recomendo que assista, espero que tenham gostado do post,beijos.

Deixe um comentário